Páginas

domingo, 23 de agosto de 2015

Versos sem a vogal I

Indaiatuba, 13 de agosto de 2015.

Amar é como se fosse um sonho de fada
Tudo é rosa, tudo é flor
Quando acordamos, tudo muda de cor
A fada desaparece e a flor murcha
Mas o sonho pemanece com o amor
O amor esperado
No presente, no futuro
Tentando esquecer o passado
Apenas amar e ser amado

Exercício proposto na exposição Poesia Agora do Museu da Língua Portuguesa.